(< 5 min) Rafael Martins

Depois de aumentar meu esforço na busca por um repertório maior, eis as pérolas que escolhi indicar entre setenta e quatro pedacinhos de conhecimento. Está separado por: ESPIRITUALIDADE, BIOGRAFIA, CIÊNCIA, DESENVOLVIMENTO PESSOAL, ECONOMIA, HISTÓRIA, POESIA e FAMÍLIA. Então, perante qualquer inquietação, é só dá uma olhada direto na fatia que lhe interessa mais.

ESPIRITUALIDADE

1. Parábolas Evangélicas (Rodolfo Calligaris) – Bom para conhecer interpretações diferentes, algumas mais profundas do que o que é usualmente disseminado no tocante a Jesus. Dá pra ler em menos de 2 horas. Agora, a reflexão demora mais, tipo para sempre se você tiver entendido alguma coisa…

2. Memórias de um Suicida – Um livro clássico do Movimento Espírita e que contém diversas explicações. Dessa vez eu ouvi tal obra no Ubook. Gostei da produção. Pouca gente sabe, mas muitos dos procedimentos do CVV (Centro de Valorização da Vida) tiveram como base os ensinos desse livro psicografado por Yvonne Pereira (Espírito Camilo Cândido Botelho).

3. Voltei (Médium Chico Xavier, Espírito Jacob) – Li tal obra para estudo em um encontro de jovens. Ótimo material para calibrar o orgulho e nivelar expectativas. Afinal, todos sabemos como é fácil se inebriar com o conhecimento a ponto de, ilogicamente, considerar-se mais especial. A principal frustração do protagonista (espírita muito atuante chegando no Mundo Espiritual) é um alerta a todos que ainda estamos por aqui. Quem sobe na montanha não se sente grande por olhar a floresta, mas sim, humilde ao erguer a cabeça e defrontar o universo.

4. Cairbar Responde. Livro num formato diferente em que foram organizados diálogos de orientação entre um grupo que tentava implantar/difundir o Espiritismo pela Internet nos idos de 1998 e o Apóstolo de Matão. Cairbar, que fora o precursor do Espiritismo em programas de Rádio, traz importantes lições para nos conduzir ao esforço ótimo, menos discussões, mais silêncio e muito mais trabalho frente às discordâncias que atritam o progresso da Doutrina Espírita. Um dos frutos desse trabalho tá aqui.

5. Sexualidade e Saúde Espiritual. Alírio Cerqueira montou um formato dinâmico para esse espinhoso tema. Depois de explicações iniciais, traz uma bateria de perguntas e respostas, sendo que os esclarecimentos provêm de um Espírito familiar aos seus trabalhos mediúnicos. Num terceiro bloco, discorre-se, de maneira bastante didática, sobre o papel dos centros de força, ou chacras se você for mais orientalizado. Foi um dos livros que empreguei para o estudo da homossexualidade que recentemente expus nesse blog.

BIOGRAFIAS

6. As vidas de Chico Xavier. Trabalho de Marcelo Souto Maior que deixaria muito espírita que conviveu com Chico surpreso pela variedade de histórias e também pela sinceridade. O bacana é conseguir extrair o progresso desse médium, toda a preparação, muitas polêmicas, e incríveis episódios etc. Não deixa de ser uma visão externa de uma parcela relevante do Movimento Espírita Brasileiro. Um ponto alto? O fato de o “Chico da vida real” ter impressionado o autor muito mais do que o “Chico do sobrenatural”.

7. Elon Musk (de Ashelee Vance). O cara é no mínimo diferente. Diferente de tudo quanto é bilionário ou homem de sucesso que a mídia gosta de espalhar por aí. Tão gênio quanto genioso, Elon Musk tem demonstrado uma coerência quase insana ao centrar todos os esforços em chegar até Marte, mostrando não estar focado na “mera geração de lucros”. Todas as demais transformações que ele tem promovido no Planeta por meio de outras empresas? Bem, seriam só o meio para um fim maior. Vamos ver se a inabilidade social dele vai pesar mais…

CIÊNCIA

8. Life on purpose: How Living for What Matters Most Changes Everything . Parece que esse livro está no tópico errado, neh? Tá não. Leia e descubra como a ciência tem revelado, por vários estudos, que ter um propósito na vida, e envolver o bem de outras pessoas nesse objetivo é decisivo para a sua felicidade. Se você acorda pela manhã e se acha meio perdido, ou se não consegue se reestruturar depois de um baque (em caso de um perfil mais nerd), esse livro do Victor Strecher pode te ajudar.

9. Why Science does not disprove GOD? livro do matemático Amir Aczel bastante convincente para demonstrar a distância enorme que separa o agnóstico do ateu. Hoje, eu percebo Deus pelas suas obras e na premissa de que meu conhecimento tem uma correlação positiva com o espaço que a Terra ocupa no Universo. Para aqueles que se sintam desconfortáveis com tal premissa, é uma obra ainda mais útil.

10. E Se? Respostas Científicas para Perguntas Absurdas. O autor (Randall Munroe) trabalhava na Nasa e foi ser feliz fazendo quadrinhos científicos. O melhor uso seria para cativar seu filho a entender o poder que a lente da ciência nos dá para analisar o mundo. Tem ótimas ilustrações e as respostas tem toda uma sequencia, o que é importante para se ter uma noção intuitiva do processo científico. O segundo melhor uso é pra você “velho” resgatar o questionamento do “jovem”…

DESENVOLVIMENTO PESSOAL

11. Pitch Perfect (Bill McGowan). Best-seller para aprender a falar em público. Dos que eu li nessa temática foi o que passou mais autoridade, credibilidade e lógica (depois de ser testado em mim mesmo).

12. The art of thinking clearly. Rolf Dobelli fez uma pesquisa cansativa, mas para expressar de uma forma estruturada e não enfadonha de ler, os vieses que nós humanos temos e que atravancam nossa comunicação, nosso entendimento, nossa vida. São mais de cem pequenas armadilhas que precisamos: saber que existem, tolerar e identificar as mais propensas a ajustes, já que está fora de cogitação eliminar por completo. Leia e ratifique meu viés de confirmação

13. Dar e Receber. Adam Grant, o melhor professor de Wharton, vai te perturbar, ainda mais se você estiver grampeado em ideias atávicas, ao apresentar uma pancada de argumentos, baseados em estudos científicos, concluindo que vale a pena fazer o Bem, ser Generoso, para ter mais sucesso no mundo corporativo. Foi um trabalho tão primoroso e contra-intuitivo (dentro das métricas materialistas predominantes) que já até fiz um texto só sobre esse livro aqui.

ECONOMIA

14. Crash: Uma Breve História da Economia (Alexandre Versignassi) . Passeio técnico, cultural e divertido sobre várias questões da Economia que entopem os noticiários. Dá pra dizer que se você não curte muito ligar a TV hoje em dia, esse livro vai te dar uma ponta de esperança para acompanhar debates e opiniões de especialistas tão perenes quanto um bocejo.

15. A mais pura verdade sobre a desonestidade. O talentoso cientista social Dan Ariely resgata da academia e põe no mundo vários estudos curiosos que podem chocá-lo quanto ao nível de honestidade que você eventualmente imagine ter. Trata-se de um trabalho inovador no ramo da economia comportamental. Aos mais agoniados, tem um resumo do livro no Netflix. É uma ferramenta a mais pra se conhecer melhor.

HISTÓRIA

16. Sapiens: Uma breve história da humanidade. Leitura obrigatória para quem quer enxergar a história por uma lente mais refinada. Bem escrito e instrutivo, trazendo várias análises instigantes embutidas no texto. Até mesmo o morcegão taciturno e crítico de quase todos os assuntos que existem, historiador Leandor Karnal, admite ser um livro primoroso. Palmas pro autor, Yuval Harari.

POESIA

17. Cora Coralina – Becos de Goiás. Não conhecia nada sobre essa velhinha goiana. Fiquei deslumbrado com o poder de observação dessa artista diante das coisas da roça, do povo, de Deus. Domina as palavras de um jeito impressionante, a ponto de fazer um engenheiro refletir sobre a vida depois de ler uma poesia sobre… o milho.

FAMÍLIA

18. A Ciência dos bebês – Da gravidez aos cinco anos. Foi o livro mais aderente ao que é de fato ciência, mais afastado dos conhecimentos da primeira camada da internet, que vi nessa temática. Vou ser pai, então é importante saber o que saber. John Medina é pai, doutor em biologia molecular e teve um zelo elogiável ao desmistificar um monte de crendices e falácias que circulam sobre um tema tão delicado. O foco do livro é compartilhar as atitudes que contribuem para o seu filho ser feliz e ser inteligente. Quem não gostaria?

Um dia eu penso se vale a pena escrever sobre “recomendações de não leitura”, “best-sellers falso-positivo”, algo nesse sentido. Nesse ano  que passou, teria um bocado o que dizer sobre tentativas com livro de Engenharia, Negócios, Filosofia, Ficção e Direito.

 

 

 

 

Um comentário em “Minhas indicações de Leitura: 2017

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s